Em Destaque

Câmara Municipal de Boticas adere a Compromisso Pagamento Pontual

0 195
Município e Freguesias de Boticas dão o exemplo e aderem ao Compromisso Pagamento Pontual a Fornecedores - © DR

A ACEGE e a Câmara Municipal de Boticas realizaram, a 27 de Junho, a Cerimónia de Adesão do município, das juntas de freguesia e das empresas de Boticas ao Compromisso Pagamento Pontual.

O evento, realizado no Salão Nobre da Câmara Municipal de Boticas, contou com a intervenção de João Quintela Cavaleiro, na sessão de abertura. O responsável do núcleo de Vila Real da Acege realçou a importância das autarquias se tornarem num exemplo positivo, rompendo com uma cultura de permissividade e de incumprimento instalada.

Os números públicos de processos de cobrança existentes em Portugal – que se aproximam de um milhão – apontam para uma diminuição face a 2012, sendo que o prazo médio de recuperação de um crédito em Tribunal pode variar entre 21 e 52 meses. Números elucidativos.

“É a primeira vez que nas acções realizadas a nível nacional vemos todas as juntas de freguesia de um concelho a aderir ao Compromisso. A região do Barroso dá assim um sinal positivo, demonstrando que as freguesias, locais de proximidade por excelência, querem fazer parte deste movimento. O compromisso de pagar a horas dignifica o trabalho e é um factor catalisador da economia local”, afirmou João Quintela.


Também presentes estiveram o Secretário-Geral da ACEGE, Jorge Líbano Monteiro, que abordou “A realidade e o impacto dos atrasos de pagamentos”; e o Presidente da Câmara Municipal de Boticas, Fernando Queiroga, num painel intitulado “A importância da adesão da Câmara Municipal ao compromisso”.

Segundo este autarca, “fruto de uma gestão rigorosa, equilibrada e consentânea com as reais necessidades do Concelho, o Município de Boticas orgulha-se de possuir uma situação financeira estável, que lhe permite honrar atempadamente os seus compromissos financeiros”. Prova disso mesmo é o prazo médio de pagamento aos seus fornecedores, fixado em 15 dias no 4º trimestre de 2017 (dados mais recentes divulgados pela DGAL), bem como o facto de o Município de Boticas ter transitado de 2017 para 2018 com dívida zero a fornecedores. Fernando Queiroga sublinha que “este desempenho financeiro tem permitido ao Município de Boticas ocupar o primeiro lugar do distrito em termos de eficiência financeira, tendo sido no final de 2017 o 17º mais eficiente entre os municípios de média dimensão”.

Em declarações à ACEGE, o autarca defende que “a adesão ao Compromisso Pagamento Pontual representa o compromisso assumido pelo Município de Boticas em manter esta performanceem termos de gestão financeira, com a garantia de que continuará a honrar atempadamente os seus compromissos, sempre na óptica da gestão responsável da Autarquia. Esta nossa posição é tanto mais importante por acreditarmos que só assim é possível contribuirmos decisivamente para uma boa dinâmica da economia local, mantendo a confiança que os fornecedores têm depositado em nós, ao longo dos anos, e por sabermos que a nossa responsabilidade financeira é também uma responsabilidade social”.

A cerimónia deu ainda lugar à entrega de diplomas de adesão à Câmara Municipal, Juntas de Freguesia e empresas aderentes.

As empresas e organizações que pretendam inscrever-se no Compromisso Pagamento Pontual, tornando-se membros desta rede, podem consultar aqui toda a informação.